large

Advertisements

As vezes penso nela e fico triste…
Não é algo fácil de dizer quando se trata de alguém tão orgulhoso como eu, mas a verdade é que sinto falta, sinto falta de tudo.
Eu realmente a amava…
Ela estragou tudo.

Pulsação

Se não fosse o o motorista do ônibus que passava na hora, Verônica, a garota de cabelos vermelho alaranjado estaria morta.

Luciana parecia estar possuída, seu olhar fumegante, destilava ódio e o motorista percebeu isso ao segurar Verônica por trás antes que caísse.
Assustado com a expressão e aparência maluca de luciana, olhos castanhos claro, cabelo escuro, na altura do ombro, nariz arrebitado com um piercing preto, calça preta, camiseta preta e botas pretas, tudo preto contrastando com sua áurea totalmente sombria. Fernando, o motorista do Ônibus não fazia ideia do por quê as duas garotas haviam brigado, mas a julgar pela aparência gótica de ambas, ele n tinha duvida de que eram intimas.

Talvez tenham se desentendido… talvez a garota ruiva tenho beijado o namorado da morena… embora Fernando tenha achado a Luciana um tanto masculina,era uma garota muito bonita, com certeza havia de ter um namorado.

-Garotas, o que está acontecendo? Calma! Diz rispidamente a Luciana que tentava atingir a outra mesmo na proteção de Fernando.

-Por que se mete velho? conhece essa daí?

-Por que não se acalma um pouco? está nervosa, não vou deixar você tocar nela. Ele insiste com Luciana.

Luciana se abaixa e recolhe uma mochila de couro com tachinhas no chão, retorna o olhar para Fernando e diz:
-Faz o que quiser… ela já levou uns bons tapas mesmo.